Aviao P-51D Mustang IV 02275

TRUMPETER

Apenas:

4x de R$ 97,33 sem juros

ou À Vista R$ 389,30

Descrição:

Kit em plastico para montar, escala 1/32, nivel 5, cerca de 27cms de comprimento, 34 cms de envergadura, 292 peças, nao inclui tintas ou cola. Inclui peças em photo-etched(metal), cockpit detalhado com instrumentação. Super detalhado com fiel repoducao de docas de balas nas asas, compartimento do motor e cockpit. Inclui planta detalhada com esquemas de montagem e pintura.

O P-51 foi projetado em 1940 a pedido da Grã-Bretanha. O protótipo foi construído dentro de um limite de 120 dias. Foi a Royal Air Force que deu o apelido de "Mustang" ao modelo. Em dezembro de 1943, o P-51B entrou em combate com o 354º Grupo de Combate da 9ª Força Aérea na Inglaterra. A maior parte do P-51B em estado de combate foi atribuída às 8ª e 9ª Forças Aéreas na Inglaterra Com um número menor fazendo tarefas de combate com as 12ª e 15ª USAAF na Itália e nas áreas circundantes. O P-51B foi a principal variante de dezembro de 1943 até março de 1944, momento em que o P-51D começou a aparecer em quantidade com a 8ª FA. No entanto, o P-51B permaneceu predominante até meados de 1944 e permaneceu em combate até o final do conflito.Das 1.357.000 horas de combate voadas pelos P-51 em todos os teatros de guerra, e aproximadamente 400.000 dessa quantidade pelos B sempre presentes.

Entre 1941 e 1945, a Força Aérea do Exército encomendou 14.855 Mustangs (incluindo bombardeiros de mergulho A-36A e versões de foto-reconhecimento F-6), dos quais 7.956 eram P-51Ds com o velame "bolha" e armamento mais pesado. Os P-51Ds eram um interceptador e principalmente para o apoio próximo das forças terrestres. Os P-51 serviram nas unidades da Reserva e da Guarda Nacional até 1957.